IMG_3784
IMG_3808

Paracelso Alves Vieira Júnior

Pariquera-Açu – SP
65 anos
Caminhoneiro aposentado

Os primeiros sintomas tinham aparecido em 2012. Nessa época eu fazia acompanhamento por conta da diabetes, e mostrei a mama para a médica, ela pediu para investigar, mas as enfermeiras não deram andamento ao pedido de mamografia, acreditando se tratar de um erro. Como a maior parte das pessoas, eu inclusive, elas não sabiam que homem pode ter câncer de mama. Em 2015 saí da sala da médica direto para um mastologista do Hospital Pérola Byington, um hospital público de São Paulo. Só de olhar ele soube que era câncer.

Logo que descobri senti que minha missão era compartilhar a minha história. Eu aprendi que o melhor jeito de viver o tratamento é torcendo por ele com o mesmo fervor que você torce para o seu time. Embora sejamos vários homens tratando, eu sou o único que se veste de pink e dá entrevista. Eu não queria ser sozinho nisso, mas eu sou. Ainda tem muito preconceito, mas não me impede de dizer para as pessoas: conheçam o risco, se toquem, procurem um médico em caso de dúvidas. Eu tenho esperança de que elas são capazes de ouvir.

Num dos lugares em que me convidaram a contar minha história, conheci a Sueli, que estava ali por causa de uma neta diagnosticada com câncer de mama e indo pra mastectomia dupla. A gente morava longe, mas se encontrou, eu quis alegrar ela, continuamos falando. Um dia fui até a casa dela, disse que tinha vindo para ficar. A notícia da remissão veio uns meses depois. Choramos juntos. Ontem foi ontem, amanhã não importa, vamos viver o hoje, de preferência felizes.

Câncer masculino

O câncer de mama masculino representa 1% do total de casos da doença, segundo o INCA (Instituto Nacional do Câncer).  De acordo com a American Cancer Society, existem diferenças na biologia do câncer de mama masculino e feminino e na maneira como as alterações genéticas afetam homens e mulheres.

Fontes: https://www.inca.gov.br/tipos-de-cancer/cancer-de-mama

https://www.cancer.org/cancer/breast-cancer-in-men/about/new-research.html